Nosso Babálórixá Sadi T’ Osun, iniciou sua caminhada na umbanda na década de 70, meio a tempos difíceis da ditadura e muito preconceito, existiam poucos terreiros em Curitiba, ouvindo o chamado da sua missão no ano de 1978 abriu sua casa chamada CEOM – Centro Espírita Ogum Marinheiro, localizado ainda hoje no mesmo endereço no bairro do Xaxim em Curitiba e a inaugurou fazendo uma linda festa de Cosme e Damião, entidades crianças que na umbanda ajudam as pessoas com sua inocência e doçura, e assim nas festa de Cosme e Damião, comemora-se também o aniversario da casa.
No candomblé iniciou-se no ano de 1983, com o Babálórixá Antonio Silva de Oya, que era filho de Waldomiro Costa Pinto de Xangô (pai baiano do Parque fluminense), ambos falecidos, Pai Baiano, foi iniciado na nação Efon pelo senhor Cristóvão lopes dos Anjos em 1949, mas tomou obrigações com mãe menininha do Gantois, passando para seu axé; Pai Sadi T´osun, após dar as obrigações de 7 anos (Odu-eje) aproximou se mais de Pai Baiano passando este a cuidar diretamente do seu ori, com a ausência deles e depois de um bom tempo cumprindo luto, encontrou no Amigo Babalorixa Kaobakessy, alguém que pudesse cuidar do seu ori, e somar nessa caminhada de axé, mas o chamado do Orun também veio para o Pai Kaobakessy, e assim se encerrou este ciclo, deixando boas lembranças, Hoje o Zelador do Pai Sadi T Osun, chama-se Pai Pece o Oloriegbe da Casa de Oxumarê, nossa raiz.
Nosso Babálórixá ao longo de sua vida sempre conciliou sua vida espiritual com seus projetos pessoais sua busca por sua formação acadêmica foi muito longa e satisfatória, em 1999 formou se em Filosofia, realizando um sonho antigo, de entender as primeiras estruturas de pensamento, em 2002, pós-graduou em Filosofia Clinica, exercendo a partir daí a profissão de Terapeuta filósofo clínico, somando com seus conhecimentos de florais de Bah, ajudando as pessoas a se encontrarem de novo, superar seus traumas e medos, toda essa experiência, trouxe muita compreensão e entendimento do ser, facilitando ainda mais seu relacionamento com seus filhos, por isso ele é um grande amigo, um grande mentor e um Pai muito amado.